:: Página Principal.
:: Documentário da Igreja.
:: O Poder da Santa Missa.
:: O Poder do Santo Rosário
:: Aparições de N. Senhora.
:: A Vida dos Santos.
 
:: As Grandiosas Orações.
:: As Orações e Promessas.
:: As Devoções.
 
:: O Relógio da Paixão.
:: A Divina Misericórdia.
:: A Mediação de Maria.
 
:: A Catequese do Papa.
:: Guerreiros da últ. Ordem.
:: Os Sinais do Apocalipse.
 
:: O Estudo da Liturgia.
:: A Imitação de Cristo.
:: Confessai-vos bem.
 
:: Confissões do Inferno.
:: O Milagre de Lanciano.
:: A Contrição Perfeita.
 
:: Eucaristia ou Nada.
:: Beato João Paulo II.
:: Papa Bento XVI.
 
:: O Catecismo da Igreja.

ÂNGELUS DO PAPA BENTO XVI.

PAPA FALA DE MARIA.

09.05.10: Cidade do Vaticano, – Depois de uma semana de chuva, o sol finalmente resplandeceu esta manhã na Praça S. Pedro, onde milhares de turistas e fiéis aguardavam Bento XVI para a oração mariana do Regina Caeli.

Em sua alocução, o Papa falou do mês de maio, amado por inúmeros aspectos: "No hemisfério norte, a primavera avança com muitos e coloridos florir; o clima favorece passeios e excursões. Para a Liturgia, maio pertence sempre ao Tempo da Páscoa, o tempo do 'aleluia', do revelar-se o mistério de Cristo na luz da Ressurreição e da fé pascal".

Nesses dois contextos, o "natural" e o litúrgico, se insere bem a tradição da Igreja de dedicar o mês de maio à Virgem Maria, explicou o pontífice. Ela, de fato, é a flor mais bela que desabrochou da criação, a "rosa" que apareceu na plenitude do tempo, quando Deus, mandando seu Filho, doou ao mundo uma nova primavera. Maria é, ao mesmo tempo, protagonista, humilde e discreta, dos primeiros passos da comunidade cristã: Ela é o seu coração espiritual, porque a sua presença em meio aos discípulos é memória viva do Senhor Jesus e penhor do dom do seu Espírito.

Para Bento XVI, o Evangelho deste domingo, extraído do capítulo 14 de São João, oferece um implícito retrato espiritual da Virgem Maria, lá onde Jesus diz: "Se alguém me ama, guardará minha palavra e o meu Pai o amará e a ele viremos e nele estabeleceremos morada" (Jo 14,23).

Essas expressões, afirmou, são dirigidas aos discípulos, mas podem ser aplicadas em máximo grau justamente Àquela que é a primeira e perfeita discípula de Jesus. "De fato, Maria observou primeira e plenamente a palavra do seu Filho, demonstrando assim de amá-lo não somente como mãe, mas primeiramente como serva humilde e obediente."

No seu coração, Maria meditava e interpretava fielmente tudo aquilo que o seu Filho dizia e fazia. Deste modo, já antes e, sobretudo, depois da Páscoa, a Mãe de Jesus se tornou também a Mãe e o modelo da Igreja.

Antes de rezar o Regina Caeli, o Papa recordou que na próxima terça-feira irá a Portugal, onde visitará a capital, Lisboa, Porto e Fátima, coração de sua viagem, como explicou o pontífice: "Meta principal da minha viagem será Fátima, por ocasião dos 10 anos de beatificação dos dois pastorzinhos Jacinta e Francisco. Pela primeira vez como Sucessor de Pedro, irei àquele Santuário mariano, tão querido por João Paulo II. Convido todos a me acompanharem nesta peregrinação, participando ativamente com a oração: com um único coração e uma só alma, invoquemos a intercessão da Virgem Maria para a Igreja, em especial para os sacerdotes, e para a paz no mundo".

Fonte: Rádio Vaticano.

 

Confira o programa oficial da viagem a Portugal.


11 de Maio - terça-feira
 
ROMA
 
08h50 (hora local) – Partida de avião do Aeroporto Internacional Leonardo da Vinci de Fumicino para Lisboa
 
LISBOA
 
11h00 (hora local) – Chegada ao Aeroporto Internacional da Portela, Lisboa
Acolhimento oficial
Discurso do Santo Padre
 
12h45 – Cerimônia de boas‑vindas, frente ao Mosteiro dos Jerônimos
Breve visita ao Mosteiro dos Jerónimos
 
13h30 – Visita de cortesia ao Presidente da República, no Palácio de Belém
 
18h15 – Santa Missa no Terreiro do Paço. Homilia do Santo Padre
Mensagem do Santo Padre comemorativa do 50º aniversário da inauguração do Santuário de Cristo Rei de Almada

 
12 de Maio - quarta-feira
 
07h30 – Santa Missa, em privado, na Capela da Nunciatura Apostólica
 
10h00 – Encontro com o mundo da cultura, no Centro Cultural de Belém
Discurso do Santo Padre
 
12h00 – Encontro com o Primeiro Ministro, na Nunciatura Apostólica
 
15h45 – Despedida da Nunciatura Apostólica
 
16h40 – Partida de helicóptero do Aeroporto Internacional da Portela de Lisboa para Fátima
 
FÁTIMA
 
17h10 – Chegada ao heliporto no grande parque do novo Estádio Municipal de Fátima
 
17h30 – Visita à Capelinha das Aparições
Oração do Santo Padre
 
18h00 – Celebração das Vésperas com sacerdotes, diáconos, religiosos/as, seminaristas e agentes de pastoral, na Igreja da SS.ma Trindade
Discurso do Santo Padre
 
21h30 – Bênção das velas, na Capelinha das Aparições
               Discurso do Santo Padre. Oração do Rosário

 
13 de Maio - quinta-feira
 
10h00 – Santa Missa na esplanada do Santuário de Fátima
Homilia do Santo Padre. Saudações do Santo Padre
 
13h00 – Almoço com os Bispos de Portugal e com o Séquito Papal no Refeitório da Casa de Nossa Senhora do Carmo
 
17h00 – Encontro com as Organizações da Pastoral Social, na Igreja da SS.ma Trindade.
Discurso do Santo Padre
 
18h45 – Encontro com os Bispos de Portugal no Salão da Casa de Nossa Senhora do Carmo.
Discurso do Santo Padre
 
14 de Maio - sexta-feira
 
08h00 – Despedida da Casa de Nossa Senhora do Carmo
 
08h40 – Partida de helicóptero do heliporto de Fátima para o Porto
 
GAIA

09h30 – Chegada ao heliporto do Quartel da Serra do Pilar
 
PORTO

10h15 – Santa Missa na Avenida dos Aliados
Homilia do Santo Padre
 
13h30 – Cerimônia de despedida no Aeroporto Internacional Sá Carneiro do Porto.
Discurso do Santo Padre
 
14h00 – Partida de avião do Porto para Roma
 
ROMA

18h00 – Chegada ao Aeroporto de Ciampino, Roma

 

       © Últimas e Derradeiras Graças