:: Página Principal.
:: Documentário da Igreja.
:: O Poder da Santa Missa.
:: O Poder do Santo Rosário
:: Aparições de N. Senhora.
:: A Vida dos Santos.
 
:: As Grandiosas Orações.
:: As Orações e Promessas.
:: As Devoções.
 
:: O Relógio da Paixão.
:: A Divina Misericórdia.
:: A Mediação de Maria.
 
:: A Catequese do Papa.
:: Guerreiros da últ. Ordem.
:: Os Sinais do Apocalipse.
 
:: O Estudo da Liturgia.
:: A Imitação de Cristo.
:: Confessai-vos bem.
 
:: Confissões do Inferno.
:: O Milagre de Lanciano.
:: A Contrição Perfeita.
 
:: Eucaristia ou Nada.
:: Beato João Paulo II.
:: Papa Bento XVI.
 
:: O Catecismo da Igreja.

Aparição de Nossa Senhora em Calanda

 

Espanha – 1640.

 

www.obradoespiritosanto.com

 

Onde aconteceu: Na Espanha.

 

Quando: Em 1640.

 

A quem: A um camponês, Miguel Juan Fellicer, de 23 anos.

 

O fato: Esse humilde homem do campo muitas vezes esmolava em frente a um Santuário em honra a Nossa Senhora do Pilar.

 

Era uma pessoa de muita fé e devoção, chegando a passar no que tinha restado da perna, amputada o óleo das lamparinas da Igreja. Um dia, enquanto dormia na casa dos pais, sonhava estar no Santuário passando o óleo na perna ferida.

Depois de algum tempo foi subitamente despertado por eles que, extremamente surpresos, viam os dois pés aparecendo por debaixo das roupas de cama.

        

Esse Estupendo milagre tomou as ruas e os palácios, e dezenas de pessoas que conheciam o camponês devoto de Nossa Senhora testemunharam junto a uma comissão formada pelo arcebispo de Zaragoza, para estudar a veracidade do ocorrido, como um milagre obtido por intermédio de Nossa Senhora do Pilar.

Ficou comprovado que a perna reimplantada, à partir do joelho, era a mesma que tinha pertencido ao camponês, e que tinha sido amputada, há mais de dois anos em conseqüência de gangrena, no hospital de Zaragoza; e lá sepultada, há mais de cem quilômetros da casa de seus pais.

 

Os sinais particulares na perna, antes da amputação comprovaram o fato.

 

Reconhecimentos:

 

1º. Dos familiares, amigos e conhecidos;

 

2º. Do arcebispo de Zaragoza;

 

3°. Do rei Henrique IV que de joelhos, beijou-lhe  a perna curada, em Madri.

www.obradoespiritosanto.com

 

 

 

 

 

       © Últimas e Derradeiras Graças